Justiça baiana manda fechar feiras livres para evitar disseminação do coronavírus - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie Aqui

15 de maio de 2020

Justiça baiana manda fechar feiras livres para evitar disseminação do coronavírus

Justiça baiana manda fechar feiras livres para evitar disseminação do coronavírus
A Justiça determinou, a pedido do Ministério Público estadual, a suspensão do funcionamento das feiras livres de Itabuna, no sul da Bahia. As feiras localizadas nos bairros de São Caetano, Califórnia, Mangabinha, Pontalzinho e no Centro Comercial devem ficar fechadas, inicialmente, até o próximo dia 20, para a adequação, comprovada por meio de relatório técnico, às normas sanitárias de prevenção e combate ao coronavírus.  
Conforme a decisão, a suspensão, que começou nesta quinta-feira (14/5), pode ser prorrogada até que as feiras se adequem às exigências da Vigilância Sanitária Municipal relacionadas à restrição de aglomeração de pessoas por conta da pandemia da Covid-19.
O pedido do Ministério Público foi realizado em ação civil pública ajuizada pelo promotor de Justiça Inocêncio de Carvalho. A decisão liminar foi proferida pelo juiz Ulysses Salgado. O magistrado destacou que o MP apontou o descumprimento de uma “série de orientações” expedidas pelas autoridades sanitárias, com registros de aglomerações da população entre as barracas, inclusive havendo muitas pessoas sem máscaras.
O juiz também registrou o aumento dos casos de Covid-19 em Itabuna, “segundo município em número de casos confirmados, atrás apenas de Salvador”. Segundo a decisão, havia em Itabuna 372 casos confirmados, com 12 óbitos por coronavírus, até esta segunda-feira, dia 11. Oito dias antes, eram 252 casos e seis mortes confirmados. O magistrado observou que as feiras apontadas pelo MP estão “em bairros de maior índice de infecção ou próximas a eles”.
TOQUE DE RECOLHER
O governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou, durante transmissão ao vivo pelas redes sociais na tarde da última segunda-feira (11/5), que o município de Itabuna passam a ter toque de recolher. A medida entrou em vigor a partir de terça-feira (12/5).
Inicialmente, a ação valerá por 10 dias e determina a proibição de circulação de pessoas e a suspensão de qualquer atividade comercial, com exceção de farmárcias, das 20h às 5h. A medida também inclui o fechamento de vias que continuam registrando fluxo intenso mesmo em meio à pandemia.

Post Bottom Ad

Anuncie Aqui

Páginas