Jose Aldo leva 62 golpes fortes no rosto em três minutos e perde cinturão do UFC - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie Aqui

12 de julho de 2020

Jose Aldo leva 62 golpes fortes no rosto em três minutos e perde cinturão do UFC

Jose Aldo leva 62 golpes fortes no rosto em três minutos e perde cinturão do UFC


A luta entre José Aldo e Petr Yan, que ocorreu na noite de sábado (12/7) não foi o suficiente para o brasileiro levar o cinturão de Peso Galo. Nas redes sociais, diversas pessoas reclamaram do juiz da luta, que permitiu que Aldo levasse 62 golpes fortes em apenas três minutos.
Segundo o jornal ESPN, José Aldo até equilibrou boa parte do confronto, mas acabou totalmente massacrado no quinto round por Petr Yan. Yan acertou um direto de esquerda logo no começo do quinto round, conseguiu o knockdown e massacrou o brasileiro no chão. 
Durante quase três minutos, o russo golpeou sem pena o rosto do brasileiro. Em alguns momentos, pareceu que Aldo tinha até desistido de se defender, mas o árbitro Leon Roberts, resolveu deixar o duelo seguir.
Pela contagem oficial do UFC, Yan desferiu 113 golpes nos poucos mais de três minutos do quinto round, 62 deles significativos – com uma potência maior. Como base de comparação, Aldo deu 157 golpes na luta inteira – 83 deles significativos.
Apesar de boa parte dos usuários do twitter reclamarem da atitude do árbitro, o baiano Junior Cigano foi o único a sair em defesa do árbitro. “Agora, temos que reconhecer a ótima performance do árbitro, não se deixou impressionar e só parou a luta quando Aldo já estava sem chances de defesa. Parabéns a ele. Difícil de ver isso hoje em dia”, postou.
Outro lutador, Gilbert Durinho, respondeu o amigo. “Gosto muito de você irmão e te respeito muito! Mas discordo completamente. O árbitro errou e errou feio! Se eu estivesse no corner jogaria a toalha!”, disse.

Post Bottom Ad

Anuncie Aqui

Páginas