VÍDEO: Professor é assaltado durante aula online e alunos assistem à cena; filha grávida passou mal - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

Quer alavancar seu empreendimento? Anuncie sua marca aqui

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

6 de novembro de 2020

VÍDEO: Professor é assaltado durante aula online e alunos assistem à cena; filha grávida passou mal


Um professor de contabilidade, de 51 anos, foi assaltado enquanto dava uma aula online, por volta das 19h20 de quarta-feira (4/11), em sua casa, na cidade de São Paulo. Ele estava ao vivo para 20 alunos, que assistiram à situação, além de um representante da faculdade, que chamou a polícia e conseguiu apreender três adolescentes e prender dois homens maiores de idade.

No vídeo, obtido pelo jornal Folha de S. Paulo, é possível ver o momento em que o docente é interrompido, na explicação de uma questão, pelos assaltantes. Um deles, inclusive, tapa a boca do professor e lhe dá uma "gravata" no pescoço. Depois, outro pergunta: "onde está o dinheiro?".

CONFIRA:

Em entrevista ao "Agora", da Folha, o professor explicou que, enquanto era rendido, no térreo do sobrado em que reside, sua filha de 23 anos também foi abordada e imobilizada pelos criminosos. Ela está grávida de oito meses do seu primeiro filho.

O educador afirmou, ainda, que eles não perceberam quando o grupo pulou o portão e arrombou a porta da sala. Pai e filha foram mantidos na cozinha da casa, onde ele dava aula antes do início do assalto. O professor foi amarrado com o fio do carregador de seu notebook e teve a cabeça coberta por um lençol. Já a filha teve a cabeça coberta por um pano.

“Ele [ladrão] perguntava onde estava o dinheiro, mas não tinha o que eles queriam em casa. Chegou a um ponto em que ele tirou o lençol do meu rosto, me encarou e chegou a me ameaçar”, disse o docente à publicação.

Segundo o professor, os criminosos não perceberam que a vítima estava dando aula, no momento do crime, o que permitiu que o representante da faculdade - que assistia - acionasse a polícia. Ele relatou, ainda, que os assaltantes estavam "nitidamente atrapalhados".

Toda a ação durou cerca de 20 minutos, tempo para que a Polícia Militar chegasse ao local. "Eu estava quieto. Aí, senti que alguém tirou o lençol de minha cabeça e vi que era um PM”, disse o professor. 

APREENSÃO

Um adolescente de 16 anos foi apreendido em frente à residência da vítima, quando saía do local; dois homens, de 18 e 21 anos, e outros dois adolescentes, também com 16 anos, foram detidos no quintal da casa, quando tentavam pular o muro. Além disso, um jovem de 18 anos foi abordado na rua e levado à delegacia, mas, por falta de provas, foi solto em seguida. 

Com o grupo, a PM recuperou dois celulares, dois relógios, um cinto, óculos escuros e cerca de R$ 300. Os objetos estão avaliados em quase R$ 8 mil, conforme registrado em boletim de ocorrência no 13º DP (Casa Verde), onde o caso foi registrado como roubo e corrupção de menor.

A filha do professor passou mal e sentiu contrações logo após o assalto. Por isso, ela foi encaminhada ao hospital e liberada em seguida. 

O professor disse ainda que essa foi a segunda vez que ladrões entram em sua residência, sendo a primeira há cerca de nove anos.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Anuncie conosco