DESLEAL: Servidor público é exonerado do cargo após áudios comprometedores circular nas redes sociais

Portal Bereu News / Foto Redes sociais


Após ter áudios comprometedores vazados em grupos de WhatsApp, o radialista Hélio Defaria foi afastado do Programa na rádio Mix Bahia FM e exonerado da Câmara Municipal de Conceição do Jacuípe. A decisão oficial foi publicada na manhã desta segunda-feira (15/3).

Nos áudios vazados na tarde desta sexta-feira (13/3), o ex-servidor público inferiorizou a atual presidente da Câmara, Flávia Souza Teixeira (PSD) e revelou condutas presenciadas por ele na rádio. “Coloquei a foto para puxar o saco dela (Flávia), mas, é outra fraca, muito fraca. Mas, já se passaram dois meses e meio, entendeu? ”.

Em outro áudio, Hélio afirma que está com medo de não receber valores da publicidade da gestão da prefeita Tânia Yoshida. “Tenho medo porque eu não quero contar com esse dinheiro. Que pode ser que receba no primeiro, no segundo e já vai esculhambando”.


Defaria não pagava por seu horário na rádio, e este se tratava de uma cortesia da atual prefeita, que também tem a gestão mencionada pelo radialista. "As ações do governo é muita teoria e pouca prática".

Acreditasse que os áudios foram enviados para um ex-presidente da Câmara.


Essa não é a primeira vez que Hélio teve seu nome envolvido em escândalo, numa entrevista com o então delegado Jean Souza, declarou que uma conjacuipense morta por feminicídio afirmou categoricamente que o “corno teria sido grande”, o que gerou revolta aos ouvintes e principalmente aos familiares da vítima.



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem