Com facão, jovem invade creche e deixa professora e duas crianças mortas em Santa Catarina


Uma das vítimas mortas no ataque a creche Pró-Infância Aquarela é a professora Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos. O atentado, que aconteceu na cidade de Saudade, no Oeste de Santa Catarina, nesta terça-feira (4), foi cometido por um jovem de 18 anos. 


De acordo com o G1, a prima da professora, Silvane Elfel, contou que ela trabalhava no local há 10 anos e era uma pessoa alegre. Além de Keli, o jovem matou com golpes de faca uma agente escolar e três crianças de até dois anos. 


Na ocasião, o autor do atentado desferiu golpes também contra si próprio e foi encaminhado em estado gravíssimo a um hospital em Pinhalzinho, cidade vizinha a Saudades. Não foi informada a idade das vítimas.


O Corpo de Bombeiros foi ao local e isolou a área.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem