Em Salvador, 21 mulheres do grupo de gestantes foram vacinadas com o antídoto da Astrazeneca antes da suspensão recomendada pela Anvisa - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

12 maio, 2021

Em Salvador, 21 mulheres do grupo de gestantes foram vacinadas com o antídoto da Astrazeneca antes da suspensão recomendada pela Anvisa

Creditos da foto:ilustrativa/Pexels

Em Salvador, 21 mulheres grávidas foram vacinadas contra a Covid-19 pelo imunizante da Oxford/Astrazeneca, que teve sua aplicação suspensa, para este público, pelo Ministério da Saúde. Na tarde desta terça-feira (11/5), A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) corrigiu uma informação divulgada anteriormente, dando conta de que na capital baiana não havia gestantes incluídas nesta situação e divulgou que esta gestantes se vacinaram no dia 07 de maio. 


Porém, no dia das referidas aplicações, ainda, não havia a notificação da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendendo a aplicação da fabricante para este grupo, o que ocorreu apenas nesta última segunda (10/5). Para que exista um acompanhamento mais rigoroso dos casos, a SMS orienta que as gestantes que receberam outro imunizante, que não Pfizer, devem procurar de imediato a Secretaria e relatar os sintomas adversos através do site.

A SMS esclarece que as gestantes têm hoje pontos exclusivos de vacinação em Salvador apenas com aplicação do imunizante Pfizer.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Anuncie conosco