Pensem no absurdo! Prefeito de São Gonçalo dos Campos briga com PM por causa de minitrio de São João; assista - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

24 junho, 2021

Pensem no absurdo! Prefeito de São Gonçalo dos Campos briga com PM por causa de minitrio de São João; assista


A circulação de um minitrio de São João causou confusão em São Gonçalo dos Campos, cidade a cerca de 110 Km de Salvador, na manhã desta quinta-feira (24/6), feriado junino na Bahia. Tudo começou quando a Polícia Militar interrompeu a apresentação e prendeu o motorista do veículo sob o argumento de quer ele estaria promovendo aglomeração no bairro Murilo Leite. 


Foi aí que o prefeito do município, Tarcísio Pedreira, interviu tentando entrar na viatura para protestar contra a ação da PM. Por meio de nota, a prefeitura informou que o 'Forró Itinerante' é um "evento apenas para atender à população, levando um pouco de alegria às casas das pessoas que passam por momento delicado devido à pandemia" e que a ordem dada pelo gestor era de parar o evento em caso de aglomeração.


O evento começou no final da tarde desta terça-feira (22/6) e seguiria até este sábado (26/6). Ainda de acordo com a assessoria da prefeitura, a Procuradoria Geral do Município não recebeu qualquer recomendação do Ministério Público sobre eventos, "tendo tomado conhecimento informalmente na noite de ontem (22), já quando a Polícia Militar tentava impedir a realização do evento itinerante". A nota diz, também, que "a recomendação do Ministério Público, como bem denominado, independente do respeito merecido ao órgão, trata-se de um pedido, de um conselho, não possuindo força vinculativa ou equiparação à decisão da Justiça".


Nas redes sociais, o prefeito chegou a fazer live para mostrar a confusão no local. Nas imagens, é possível ver um grupo de PMs e uma aglomerações de pessoas.


CONFIRA NOTA NA ÍNTEGRA:


A Procuradoria Geral do Município de São Gonçalo dos Campos esclarece não ter recebido qualquer Recomendação oriunda do Ministério Público sobre eventos, tendo tomado conhecimento informalmente na noite de ontem (22) já quando a Polícia Militar tentava impedir a realização do evento itinerante.


A recomendação do Ministério Público, como bem denominado, independente do respeito merecido ao órgão, trata-se de um pedido, de um conselho, não possuindo força vinculativa ou equiparação à decisão da Justiça. 


Minutos antes do evento, a Procuradoria foi surpreendida com viaturas da Polícia Militar estacionadas em frente à sede da Prefeitura Municipal, interceptando o carro de som que seria utilizado para a realização do mesmo. Segundo o comandante, havia ordem para não permitir a saída do veículo.


Como amplamente publicado pela Assessoria de Comunicação deste Município e pelo próprio Prefeito Municipal, em redes sociais, o evento em questão ocorreria respeitando as normas sanitárias, com a proibição de quaisquer tipos de aglomerações e contando com o apoio da Guarda Civil Municipal, sendo interrompido ao menor sinal de situações que expusessem a risco a saúde dos moradores deste município. 


Desta forma, lamenta profundamente os transtornos ocorridos na noite de ontem, dia 22/06/21, sobretudo pela característica marcante desta gestão na adoção de medidas restritivas no combate à pandemia, mais severas que os municípios da região, sendo o evento apenas para atender à população, levando um pouco de alegria às casas das pessoas que passam por momento delicado devido à pandemia, em restrita observância das normas sanitárias.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Anuncie conosco