Prefeita Tânia Yoshida afirma que vai coibir rigidamente aglomerações em Conceição do Jacuípe para evitar o lockdown - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

05 junho, 2021

Prefeita Tânia Yoshida afirma que vai coibir rigidamente aglomerações em Conceição do Jacuípe para evitar o lockdown


Em Live realizada nesta quarta-feira, 02 de junho de 2021, a prefeita de Conceição do Jacuípe Tânia Yoshida, relatou que no final de semana anterior, último de maio, foi um tormento para a guarda municipal, devido as festas clandestinas com aglomeração, cavalgada, bares cheios, etc.


A Prefeita relatou que teve uma reunião com a Polícia Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal, onde acertou que a fiscalização deve ser mais rigorosa, inclusive com recolhimento de aparelhagem de som, responsabilização dos organizadores das festas.


Estas medidas mais rígidas acontecem como prevenção para evitar um aumento do número de contaminados, evitando assim um Lockdown. Também a prefeita espera que nenhum político se intervenha nessas ações dos fiscais pedindo também cuidado com as fogueiras, que não será permitida, nem com aglomerações e dia 15/06 começa a Operação São João. Sobre as barreiras sanitárias a Prefeita relatou que elas não são tão eficientes, porém haverá uma estratégia montada segundo a polícia civil, militar e guarda municipal, acontecendo também outras ações.


A Prefeita deu explicação sobre o SAMU, onde os serviços de socorro prestado por eles são regulados por Feira de Santana e não pelo hospital. Populares tem reclamado da agilidade do SAMU, porém o hospital ACM não tem autonomia sobre isso e ainda pode existir contratempos na operação de socorro do Samu. Também a prefeita explicou a falha técnica que existiu no telefone do hospital, que já foi resolvido, e comemorou as 1.500 pessoas atendidas no centro de especialidades.


A Prefeita deu explicações sobre gestão pública e reclamou da politicagem que está existindo, questionamento de contratações de técnicos, dando seu próprio exemplo, que é advogada, não tendo conhecimento completo de contabilidade, precisando assim de assessores.


Entrando no assunto de obras a Prefeita Tânia Yoshida falhou sobre a Rua 15 de Julho, uma obra difícil, com muitas fossas, inclusive no meio da rua. Nesta obra da 15 de julho, a prefeita Tânia Yoshida questionou o destino do dinheiro aplicado na obra feita, neste local pela gestão anterior, que deve ser averiguada, pois foi feita por funcionários da prefeitura. Sobre o Joel Caetano, ela falou que vai aditivar a obra que está uma bagunça.


Uma das dificuldades encontrada pela Prefeita Tânia Yoshida, comentado por ela, foi o orçamento votado no final no ano anterior, cheio de “casca de banana”.


Atualmente ela está lutando e trabalhando para que 2022, seja melhor, sem estas maldades no orçamento.


A prefeita Tânia Yoshida falou da reforma do hospital que está sendo resolvido. Também sobre o projeto do Joel Caetano e da Mansão dos Coqueiros que tem um valor de mais de oito milhões.


Ainda a prefeita comentou pela falta de deputados para ajudar a cidade, com emendas, pois se não fosse o precatório as escolas estariam em estado de calamidade. A Prefeita Tânia Yoshida voltou a dizer que não está brincando de fazer política, e vai fazer as obras citando algumas como o da Rua Almerindo Bezerra que já foi licitada.


Sobre seu plano de governo, ela afirmou que vai cumpri-lo. Finalizando a Prefeita falou da água do Bessa, que teve oito anos sem resolução, mas ela vai resolver, pedido calma à população. Sobre atendimento presencial na prefeitura, não existe previsão de acontecer devido a pandemia. 

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Anuncie conosco