Sesab reclama após 11 dias sem acesso ao banco de dados de Covid do Ministério da Saúde por ataque hacker


A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) comletou 11 dias sem acesso ao banco de dados da Covid-19 do Ministério da Saúde nesta segunda-feira (20/12). O boletim epidemológico das últimas 24 horas registra seis óbitos pela doença no estado, mas não atualizou o número de casos devido ao problema no sistema.

 

Desde o início da pandemia, o total de óbitos é de 27.438. "Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas', reforça a Sesab.

 

O problema é consequência do ataque de hackers sofrido pela pasta no último dia 10 de dezembro. Na página do Ministério da Saúde e do ConectSus os invasores escreveram que o portal sofreu um "ransomware" e que "50 TB de dados foram copiados e excluídos". Pouco antes das 7h, a mensagem não era mais exibida nos sites, mas eles continuavam inacessíveis.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem