Depois de ser acusado de traição, Leão detona e diz que foi “abandonado” pelo governo Rui


Êta. Depois de ser acusado de traição por um dirigente do PT na Bahia, ao deixar a base do Governo do Estado para apoiar ACM Neto (União Brasil), em busca do Palácio de Ondina, o vice-governador João Leão (PP) rebateu as críticas e reafirmou o compromisso com os baianos.

 

Bem humorado, o político disse que se o povo da Bahia perguntar: “Leão, você abandonou o governo’? Vou responder: “Eu que fui abandonado, bonitões. Jamais vou abandonar vocês”!, detonou.

Fotografia: Divulgação

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem