Rússia ataca área militar perto da Polônia e mata 35 pessoas, diz Ucrânia


Um ataque aéreo atingiu uma área militar na região de Lviv, perto da fronteira da Ucrânia com a Polônia. De acordo com o Centro de Comunicações Estratégicas e Segurança da Informação do governo ucraniano, oito mísseis russos caíram no local de teste em Starychi, distrito de Yavoriv, perto de Lviv. Segundo nova atualização da administração regional militar de Lviv, ao menos 35 pessoas morreram. Outras 134, com ferimentos, foram encaminhadas para hospitais.


De acordo com o Uol, hoje, 18º dia da invasão russa ao território ucraniano, foi divulgado que mais um prefeito foi capturado. Após as forças da Rússia prenderem o prefeito de Melitopol, neste domingo (13), elas capturaram o administrador de Dniprorudne, Eugene Sergeevich. O anúncio foi feito pelo chefe da administração militar regional de Zaporozhzhia, Oleksander Starukh. Em Chernihiv, no norte do país, um ataque a um prédio deixou ao menos uma pessoa morta, segundo informações iniciais.


Ao menos 30 mísseis foram direcionados para o Centro Internacional de Manutenção da Paz e Segurança, conhecido como o Campo Militar de Yavoriv, segundo o chefe da administração militar regional de Lviv, Maksym Kozytsky. Ele diz que alguns dos mísseis foram derrubados pelo sistema de defesa aérea. Equipes atuaram ao longo da manhã para apagar focos de incêndio no local, que foram apagados por volta das 12h, horário local. Militares e socorristas já investigaram 25 pontos de impacto, de acordo com Kozytskyi. Para ele, o ataque de hoje é uma confirmação de que não só a Ucrânia, mas toda a Europa estaria sob ataque.


Também no oeste do país, assim como Lviv, a cidade de Ivano-Frankivsk foi atingida mais uma vez por um ataque hoje, segundo o governo ucraniano. Foi registrado um ataque de mísseis na região do aeródromo, que já foi alvo das forças russas na última semana. Cerco a Kiev As forças russas continuam a tentar cercar Kiev. O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky prometeu uma "defesa implacável" da capital.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem