Universidades estaduais da Bahia anunciam paralisação para esta quarta-feira

Os professores de quatro universidades estaduais da Bahia - UNEB, UEFS, UESB e UESC - vão paralisar as atividades nesta quarta-feira (27/4), para cobrar reajuste salarial. Na data, os docentes realizarão um ato público em Salvador, na Praça da Piedade.

A decisão veio durante assembleia híbrida, na última quarta-feira (20), quando os docentes da Universidade Estdaual de Santa Cruz aprovaram, por unanimidade, a paralisação das atividades no dia 27 de abril. As outras universidades, então, aderiram à paralisação desta quarta alegando que o governo estadual "age de forma arbitrária no trato com a educação pública no estado". "Sem qualquer tipo de diálogo, o governo cedeu um reajuste salarial de apenas 4%, longe de repor as perdas inflacionárias que já ultrapassam 50% em sete anos de arrocho", dizem.

No texto do panfleto divulgado pelas Universidades Estaduais da Bahia (UESBAs), pontuam que "ao longo do governo Rui Costa, foram diversos ataques ao Estatuto do Magistério, a lei que regula a carreira docente. Direitos como progressões e promoções estão parados, processos de dedicação exclusiva seguem represados e são recorrentes as decisões que desrespeitam a autonomia das universidades. Tudo isso impacta diretamente a qualidade do ensino e da educação pública no nosso estado".

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem