Dois PM’s são presos em operação da Polícia Civil contra quadrilhas especializadas em sequestros


Ações acontecem em 4 bairros de Salvador e dois municípios da Região Metropolitana. Mais de 60 policiais cumprem mandados contra os envolvidos

A Polícia Civil realiza, na manhã desta terça-feira (03), a ‘Operação Só Rasteira’, que tem como foco quadrilhas especializadas em sequestros na capital baiana e Região Metropolitana. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), mais de 60 policiais do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e da Coordenação de Operações Especiais (COE) atuam no cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão.

Um homem e dois policiais militares tiveram os mandados de prisão cumpridos nos bairros de São Caetano e no Bonfim, além do município de Camaçari. Durante a prisão realizada no bairro de São Caetano foram apreendidos uma pistola calibre 380, com munições e três carregadores, uma espingarda de ar comprimido, uniformes militares, um brasão falso do Poder Judiciário, uma toca tipo balaclava, maquinetas, aparelho celulares e documentos com indicativo de fraude.

Presente nas ações, o diretor do Draco, delegado José Bezerra Júnior, explicou a atuação do grupo de sequestradores. “Eles são responsáveis por crimes de extorsões, que tinha como alvos, suspeitos de crimes e comerciantes. O grupo também é investigado por homicídios”, detalhou.

Sete mandados de busca e apreensão ainda estão sendo cumpridos. Os materiais apreendidos vão complementar as investigações. “A importância da operação também é a coleta de provas acerca dos crimes atribuídos ao grupo”, informou o delegado Odair Carneiro, a frente da operação com trabalho investigativo da equipe da Coordenação de Repressão a Extorsão Mediante Sequestro.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem