Justiça condena professor de escola de futebol a mais de 80 anos de prisão por estuprar alunos

O caso do professor de escola de futebol aconteceu em Trancoso, distrito de Porto Seguro, no sul da Bahia





Preso desde novembro de 2020, Wanderson de Souza Vieira, um treinador de futebol de uma escolinha, foi condenado a 83 anos e 11 meses de prisão em regime fechado por estuprar seis crianças e adolescentes, que eram alunos da escolinha de Futebol Júnior Trancoso. O caso aconteceu em Trancoso, distrito de Porto Seguro, no sul da Bahia.


A decisão da juíza Michele Menezes, da segunda vara criminal de Porto Seguro, foi sentenciada no dia 30 de maio. Contudo, o caso só foi divulgado nesta sexta-feira (10).


Vale lembrar que, segundo as investigações, Wanderson foi preso após a mãe de uma das crianças denunciar o caso. Segundo a polícia, as investigações apontam que o então professor teria abusado sexualmente de alunos entre os anos de 2016 a 2019.


Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem