Header Ads

Cerca de mil policiais farão esquema de segurança no 2 de Julho

No total, 53 câmeras auxiliarão no monitoramento ao longo de todo dia de celebração

 


 

O cortejo do 2 de julho, em Salvador, contará com um esquema de segurança formado por cerca de mil policiais, entre militares, civis, técnicos e bombeiros. Os detalhes do planejamento foram apresentados na tarde da quinta-feira (30), no Centro de Operações de Inteligência (COI).


Assim como no São João, a Secretaria de Segurança Pública utilizará o Sistema de Reconhecimento Facial, que se somará às câmeras convencionais espalhadas pelo trajeto do Largo da Lapinha em direção à praça Dois de Julho, no Campo Grande. No total, 53 câmeras auxiliarão no monitoramento ao longo de todo dia de celebração.

 

Todas as imagens do circuito estarão interligadas aos Centros Integrados de Comunicações (Cicom) e de Comando e Controle (CICC), locais onde representantes das Superintendências de Inteligência, Telecomunicações, de Tecnologia Organizacional e de  de Gestão Integrada da Ação Policial e das quatro forças policiais (PM, PC, DPT e CBMBA), e de outras instituições federais, estaduais e municipais estarão de prontidão das 6h do dia 1 de Julho até o mesmo horário do dia 3 de Julho.

 

Além do percurso do desfile cívico, pontos de atenção levantados pelas Superintendências de Inteligência serão monitorados, como locais com eventos públicos agendados e regiões com grande concentração de pessoas, com objetivo de garantir o direito pacífico de manifestação e a manutenção da ordem.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.