Eleições: Bahia tem mais de 11 milhões de pessoas aptas a votar; Salvador tem 5º maior colégio eleitoral do Brasil


Das 156,4 milhões de pessoas aptas a votar nas eleições de outubro, no Brasil, quase 11,3 milhões de eleitores (11.291.528) estão na Bahia, de acordo com dados divulgados nessa sexta-feira (15/7) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O número corresponde a pouco mais de 7% do eleitorado brasileiro, deixando a Bahia atrás apenas dos estados de São Paulo (34.667.793), Minas Gerais (16.290.870) e Rio de Janeiro (12.827.296).

Considerando os municípios brasileiros, Salvador tem o 5° maior colégio eleitoral do Brasil, com quase 2 milhões de eleitores (1.983.198). Perde apenas para São Paulo (9.314.259), Rio de Janeiro (5.002.621), Brasília (2.203.045) e Belo Horizonte (2.006.854).

Comparando às eleições de 2018, a Bahia ganhou quase 900 mil novos eleitores (898.358), um aumento de 8,6%. Assim como nos dados gerais do Brasil, as mulheres representam mais da metade do eleitorado do estado, 52%, com 5.927.765 eleitoras. Homens são 48% (5.363.087).

Outro dado trazido pelo TSE diz respeito ao nome social. Neste ano, 2.694 pessoas podem votar utilizando o nome social na Bahia.

Em relação à escolaridade, a maioria dos eleitores baianos, em 2022, possuem ensino médio completo (26,51%), seguido dos que têm ensino fundamental incompleto (22,7%) e aqueles com ensino médio incompleto (15,14%). 



Veja abaixo:

Ensino médio completo: 2,9 milhões de eleitores (26,51%);
Ensino fundamental incompleto: 2,5 milhões (22,78%);
Ensino médio incompleto: 1,7 milhões (15,14%);
Lê e escreve: 1.4 milhões (13,04%);
Ensino superior completo: 877,3 mil (7,77%);
Analfabetos: 773,7 mil (6,85%);
Ensino fundamental completo: 475,8 mil (4,21%);
Ensino superior incompleto: 416,2 mil (3,69%);
Não informado: 1,2 mil (0,01%).

Ainda de acordo com o TSE, 9,9 milhões de baianos - 88,23% dos eleitores - votarão utilizando a biometria, sistema que utiliza a digital para identificar o cidadão.



BRASIL

Conforme o TSE, 156,4 milhões de brasileiros poderão comparecer às urnas no dia 2 de outubro para escolher presidente e vice-presidente da República, governadores e vice-governadores, além de senadores, deputados federais, estaduais e distritais.

Poste um Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem