BEREU NEWS

Acusado de matar mulher na Barra mantinha relacionamento com a vítima e com comparsa

 

Preso nesta terça-feira (16), o homem acusado de matar Janaina Arcanjo Santos, de 20 anos, na manhã de ontem, e deixar seu corpo na entrada da localidade da Roça da Sabina, no bairro da Barra, em Salvador, mantinha um relacionamento amoroso com a vítima e com a comparsa, que o ajudou na execução do crime.

A informação foi dada pela Polícia Civil nesta tarde. O custodiado se entregou na presença de um advogado.

Segundo o órgão, policiais analisaram as câmeras de segurança e identificaram a mulher. Através dela, foi possível chegar até o autor do feminicidio. "Ele torturou a vítima com ajuda da amante e depois mandou descartar o corpo", detalhou a titular da 1ª DH/Atlântico, delegada Pilly Dantas.

O crime

O corpo de Janaina foi encontrado nas primeiras horas da manhã de hoje na entrada da Roça da Sabina, cuja entrada está localizada na Avenida Centenário. A vítima tinha marcas de ferimentos na cabeça provocados por disparos de arma de fogo e também estava com um saco preto envolto no rosto.

Em uma imagem feita por um morador da Roça da Sabina, o suspeito pela morte aparece na entrada da localidade, saindo do carro, ao lado da mulher que foi presa mais cedo. No chão, o corpo da vítima foi visto envolto em um lençol branco.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade 2

BEREU NEWS
BEREU NEWS