Header Ads

PF cumpre mandados contra suspeitos de emprestar contas para fraudes bancárias no DF e 13 estados


 

Na Bahia, ação acontece em Vitória da Conquista. Ao todo, são cumpridos 43 mandados de busca e apreensão em todo o país

A Polícia Federal deflagrou uma operação na manhã desta terça-feira (2) contra um grupo suspeito de fraude bancária, no Distrito Federal e mais 13 estados do Brasil, incluindo a Bahia.


De acordo com a PF, as investigações mostraram que o grupo atuava em um esquema onde algumas pessoas cediam suas contas para outras cometerem o crime, em troca de parte do dinheiro desviado nas ações, como “laranjas”.

As investigações apontam ainda que os desvios praticados pelo grupo criminoso ultrapassam R$ 18 milhões em todo o país.

Batizada de “Não seja um laranja”, a operação cumpre 43 mandados de busca e apreensão, sendo 6 deles na cidade de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano. Confira a lista dos estados abaixo

  • Bahia
  • Distrito Federal
  • Goiás
  • Maranhão
  • Minas Gerais
  • Mato Grosso
  • Pará
  • Paraíba
  • Piauí
  • Rio de Janeiro
  • Rio Grande do Norte
  • Rio Grande do Sul
  • Santa Catarina
  • São Paulo

Ainda conforme a PF, a ação é resultado de mais uma iniciativa da Força-Tarefa “Tentáculos”, instituída pela corporação para a repressão a fraudes bancárias eletrônicas, a qual envolve esforço cooperativo e integração com as Polícias Civis e as instituições bancárias, por meio da Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

A ação teve ainda o apoio operacional da Unidade Especial de Investigação a Crimes Cibernéticos da PF.

De acordo com a corporação, os delitos apurados na operação são:

  • Associação criminosa (art. 288 do Código Penal);
  • Furto qualificado mediante fraude (art. 155, § 4º do Código Penal);
  • Uso de documento falso (art. 304 do Código Penal)
  • Falsidade ideológica (art. 299 do Código Penal),

As penas podem somar mais de 20 anos de prisão.

 

Alerta

A Polícia Federal alerta a sociedade que emprestar contas bancárias para receber créditos fraudulentos é crime, além de provocar um dano considerável aos cidadãos, quer pelo potencial ofensivo deste tipo de ação, a qual tem sido um dos principais vetores de financiamento de organizações criminosas, como também pelos prejuízos financeiros e emocionais a milhares de brasileiros.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.