Últimas Notícias


Cliente chama funcionária de loja na Bahia de 'neguinha escrava'; vídeo

 
Uma mulher está sendo investigada por injúria racial cometida contra a funcionária de uma loja Americanas na cidade de Tucano, na Bahia. Durante uma discussão, ela foi gravada chamando a funcionária de "neguinha escrava". Um vídeo com a cena foi divulgado nas redes sociais na quinta-feira (1º).

Segundo a Polícia Civil, o caso aconteceu no dia 26 de agosto. O episódio foi dentro da Lojas Americanas da cidade, onde a vítima trabalha. A polícia não detalhou como a confusão começou.

As imagens mostram parte do episódio. "Se enxerga, se coloque no seu lugar, malandra", diz a cliente. Ao ser chamada de louca, a cliente parte então para ofensas racistas. "Você me chamou de louca, eu te chamo de neguinha escrava", diz. "Se coloque no seu lugar, vá fazer seu serviço. Louca, neguinha, me processe", acrescenta.

Outros funcionários da loja acompanharam a cena sem intervir, na imagem que circula nas redes. Em nota, a  Americanas lamentou o episódio e disse que "acolheu os colaboradores e está dando todo suporte necessário", além de estar à disposição das autoridades. "A Americanas reitera que o respeito à diversidade está entre seus valores fundamentais e que tem a equidade racial como um dos pilares da sua estratégia", diz a empresa.

A delegacia de Tucano já recolheu as imagens da câmera de segurança e também já identificou a autora das ofensas racistas. O nome da mulher não foi divulgado. 



Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem