BEREU NEWS

Mulheres formam fila quilométrica para consultas e exames gratuitos em Salvador




Ação começou nesta quarta-feira (8) e segue até sábado (11), na Arena Fonte Nova. 

Mulheres formaram uma longa fila na manhã desta quarta-feira (8) para consultas médicas e exames nas especialidades de mastologia e ginecologia, na região da Arena Fonte Nova, em Salvador. A ação, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, segue até sábado (11).

Também são ofertados consultas com cirurgião-geral para o encaminhamento de cirurgias eletivas de histerectomia, vesícula e hérnias umbilical, epigástrica e inguinal. Haverá, ainda, consultas e exames oftalmológicos e rastreamento para cirurgia de catarata de mulheres acima de 60 anos, além de atendimento odontológico.

O Governo da Bahia dedica o mês de março à valorização das mulheres. As ações são relacionadas às áreas como saúde, cidadania, cultura, combate à violência, entre outras. Existe a estimativa de que a “Feira Março Mulher”, faça 21 mil atendimentos de saúde, além de oferecer serviços de cidadania, por meio da atuação articulada de diferentes secretarias e órgãos estaduais.

Confira as atividades do Governo do Estado:

  • Consultas e exames gratuitos

De 8 a 11 de março, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), em parceria com as Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), dará início à Feira Março Mulher, na Arena Fonte Nova, no estacionamento principal externo, localizado na Ladeira da Fonte das Pedras. Das 8h às 17h, serão ofertadas consultas, exames e emissão de documentos (primeira e segunda via de carteira de identidade, inscrição no CPF e emissão de antecedentes criminais), exclusivamente para mulheres. A expectativa é que sejam feitos mais de 21 mil atendimentos nos quatro dias da ação.

Serão oferecidas consultas médicas e exames nas especialidades de mastologia e ginecologia, além de consultas com cirurgião-geral para o encaminhamento de cirurgias eletivas de histerectomia, vesícula e hérnias umbilical, epigástrica e inguinal. Haverá, ainda, consultas e exames oftalmológicos e rastreamento para cirurgia de catarata de mulheres acima de 60 anos, além de atendimento odontológico.

  • Igualdade racial

Durante a Feira Março Mulher, na Fonte Nova, a unidade móvel do Centro de Referência Nelson Mandela, da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial e dos Povos e Comunidades Tradicionais (Sepromi), oferece informações, atendimento preventivo e acolhimento de denúncias de racismo e intolerância religiosa.

Já a Feira de Empreendimentos de Mulheres Negras e Indígenas busca fortalecer e ampliar a visibilidade de 23 negócios sob liderança feminina, que comercializam produtos de moda, beleza e decoração. O público pode participar também de oficinas, com início sempre às 10h. Nos dias 9 e 10, acontece a Oficina Estética Negra e Indígena. Já no último dia do evento, será a vez da Oficina Mulheres Negras Meditam, ministrada por Gabriela Ferreira, formada em Medicina Chinesa e Massoterapia Social.

  • Elas à Frente

Entre as atividades de maior impacto estão a realização de dez encontros territoriais, o lançamento do Selo Lilás e o show ‘Elas à frente’, em parceria com a Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA). Os Encontros Territoriais de mulheres vão promover a integração e articulação de políticas públicas voltadas para as mulheres nos municípios e territórios.

As reuniões começam dia 10 e vão até 31 março, nas cidades de Ilhéus, Valença, Tanquinho, Maiquinique, Santa Cruz Cabrália, Ibiassucê, Andaraí, Santo Amaro e Irecê. Além disso, haverá o lançamento de editais e do Plano Estadual de Políticas para as Mulheres, webinários de capacitações e do podcast ‘Mulheres da Terra’.

  • Inspiração e solidariedade

Com o tema ‘Mulheres inspiradoras’, a Fundação Hemoba lança campanha para celebrar o Mês da Mulher nesta quarta-feira (8), às 12h, com a apresentação de integrantes do bloco afro Malê Debalê.

  • Metrô

A concessionária CCR Metrô Bahia também promoverá uma série de ações nas estações do metrô de Salvador. A programação será realizada em parceria com outros órgãos e instituições. Nos dias 13, 14, 20, 21, 29 e 30, a SPM vai oferecer atendimento especializado sobre violência contra as mulheres, na Estação Rodoviária.

  • Segurança

A Polícia Militar da Bahia, por meio do Centro de Valorização da Mulher, Centro Maria Felipa, realiza, entre os dias 27 e 28 de março, o Seminário Mulheres e Segurança Pública: Desafios e conquistas. O seminário acontece das 14h às 17h, no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, e tem como objetivo promover a valorização, a saúde e a qualidade de vida das policiais militares. Serão abordados os temas: História da Mulher na Segurança Pública; Interseccionalidades da segurança pública x questões de gênero x LGBTQIAPN+ x raça; e Saúde mental entre as profissionais da Segurança Pública.

  • Atividades para custodiadas

No âmbito da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), serão realizadas várias ações do Março Mulher, no Conjunto Penal Feminino de Salvador. Nesta terça-feira (7), acontece um mutirão de exames preventivos ginecológicos para mulheres custodiadas, com o objetivo de tratamento e prevenção de doenças e acompanhamento profilático da saúde. Já nos dias 20 e 21, será a vez do Mutirão do Biopsicossocial, com atendimentos às custodiadas por equipes multidisciplinares compostas por psicólogos, assistentes sociais, e médicos clínicos.

No Conjunto Penal de Feira de Santana, a comemoração acontece no dia 9, com atividades recreativas e exercícios físicos. Palestras, exibição de filme e lanche especial. Também haverá programação no Conjunto Penal de Itabuna, com a realização de uma palestra, às 9h, abordando a temática da importância da mulher na sociedade atual com a equipe multidisciplinar da Unidade.

  • Inserção profissional

Com o tema ‘Novo Projeto Político e Econômico e os Desafios pela Igualdade de Gênero’, a Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) promove cursos online para mulheres em busca de autonomia por meio da inserção ou reinserção no mercado de trabalho. Os cursos são: Redação, Estratégias de Leitura em Língua Inglesa, Libras e Telemarketing. Na modalidade presencial, será ofertado o curso de Atendimento ao Público e as aulas acontecerão na Unidade Central, no Terminal de Pituaçu.

A abertura oficial da programação será no dia 9 de março, na Unidade Central do SineBahia, com uma roda de conversa com o tema “Desigualdade e Violência contra as Mulheres no Mercado de Trabalho”, das 14h às 16h. Em parceria com a União Brasileira de Mulheres (UBM), o Sine Bahia Mulher Móvel levará serviços de cadastramento e atualização cadastral, emissão de RG, orientação para CTPS digital, oficinas e palestras para os bairros de Paripe, Ribeira, Cajazeiras e Calabetão, além de outros serviços. O Sine Bahia Mulher Móvel estará também de 8 a 11 de março, na Feira Março Mulher.

  • Arte feminina em exposição no MAM

Ao longo de todo o mês, a Secretaria de Cultura do Estado vai abrir seus espaços para realização de eventos dedicados à mulher. O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM) vai lançar no dia 14, às 17h, o Programa Entreatos do Acervo do MAM. O primeiro capítulo é composto por dez pintoras de diferentes gerações e revela um pequeno panorama dos últimos cem anos da história da arte brasileira, por meio do olhar feminino. A cronologia temporal se inicia com a ícone modernista Tarsila do Amaral, nascida em 1873, e chega até Ani Ganzala, jovem artista baiana, que nasceu em 1998.

A Biblioteca de Extensão (Bibex), da Fundação Pedro Calmon, vai levar o Projeto Março Mulher no Metrô à plataforma da Estação Campo da Pólvora, em parceria com o CCR Metrô, durante a tarde do dia 16, com atividades alusivas à data.

  • Mulheres do campo​​

Durante o Março Mulher, a SDR promove vários eventos com diversos temas, depoimentos de experiências de mulheres rurais, exposição fotográfica, encontros, feiras agroecológicas, sarau e seminários. No dia 22 de março, será institucionalizado, por meio de portaria, um Grupo de Trabalho formado por mulheres de todos os setores, superintendências e coordenações, que já formulam políticas públicas com o objetivo de articular, organizar e planejar as ações da Secretaria na questão de gênero e fortalecer a presença das mulheres na agricultura familiar. Além disso, serão realizadas feiras livres nos territórios de identidade, em parceria com a SPM e coletivos de mulheres do campo, para potencializar a venda dos produtos das trabalhadoras rurais.

Em março ainda estão previstas rodas de conversas com as servidoras da SDR e representantes do movimento social para debater o fortalecimento das pautas das mulheres agricultoras familiares.

  • Empreendedoras

Ao longo do mês de março, acontecem rodas de conversa, concerto musical, visita à exposição e bate-papo, sempre tendo como motivação a luta das mulheres pela igualdade de oportunidades. A programação do Mês da Mulher da Procuradoria Geral do Estado (PGE-BA) se encerra no dia 28, às 15h, quando acontece o bate-papo Mulheres na Inovação. Participam a empresária do setor espacial brasileiro e também pioneira na atividade de observação da Terra com nanosatélites, Aila Raquel; a publicitária, especialista em marketing e negócios internacionais, Mel Oliveira; e a coordenadora do Centro de Inovação da Federação do Comércio do Estado da Bahia (Fecomércio BA), Maria Medeiros.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade 2

BEREU NEWS

Publicidade 3