BEREU NEWS

Farmacêutico é preso vendendo atestado médico por R$50


Um farmacêutico de Brazlândia que, desde 2020, falsificava e vendia atestados médicos, foi preso pela polícia, nesta sexta-feira (16). Além dos documentos, ele também comercializava medicamentos controlados sem receituário. O investigado atuava em uma farmácia da Vila São José. Os atendimentos dos clientes eram via WhatsApp.

Os preços do documento falso variavam de acordo com o tempo de afastamento pedido de interesse do comprador. O atestado de um dia custava R$ 50; por um comprovante para dois dias, pagava-se R$ 70; enquanto a licença de três dias saía por R$ 90.

Nos últimos três anos, o investigado produziu e vendeu ao menos 273 atestados médicos falsos para moradores de Brazlândia, segundo as apurações. Com apoio de uma moradora da cidade, também alvo da polícia, o suspeito confeccionava carimbos idênticos aos de médicos que assinavam receitas verdadeiras recebidas na farmácia.

Ao menos cinco carimbos foram usados na confecção dos atestados falsos. A polícia descobriu a fraude quando um médico atuante em Brazlândia recebeu, na Unidade Básica de Saúde (UBS) nº 2 da cidade, uma prescrição de remédio controlado com carimbo idêntico ao dele e assinatura falsificada.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

Publicidade 2