Membros do MST são expulsos após fazendeiros incendiarem terreno


Pelo menos 60 indivíduos estavam presentes na ação de combate dos fazendeiros ao MST

Fazendeiros estiveram unidos, na tarde deste domingo (30), para expulsarem membros dos Movimentos dos Trabalhadores Sem Terra (MST) de um terreno, localizado na cidade de Itiruçu, no Vale do Jiquiriçá, no estado da Bahia. Inconformados com a ocupação, o grupo de 60 proprietários incendiou um imóvel.

A priori, os fazendeiros alegaram que as terras são produtivas e, portanto, não deveriam ser invadidas. As informações são do Blog do Marcos Frahm. A propriedade está localizada às margens da BA-250. Segundo um componente do MST, o grupo de suspeitos contou com um membro armado.

Do contrário, os fazendeiros negaram o uso de armas. Durante a ação do coletivo, não foi registrado a presença de polícia, ainda conforme a publicação. Vale lembrar que, em março deste ano, um acampamento com 150 pessoas do MST foi desarticulado, na cidade de Jacobina (BA), por um grupo de produtores e moradores.

No período, os produtores de Jacobina e cidades da região realizaram uma caravana de modo a confrontar os integrantes do MST e 'derrotaram' o acampamento. No decorrer da investida, houve uma tentativa de confronto com os ocupantes e a Polícia Militar teve que intervir para evitar um confronto armado. 

Postar um comentário

0 Comentários