Mãe é presa após suspeita de queimar mão do filho por dinheiro escondido


A polícia aponta que o garoto também foi ameaçado pela mãe com uma faca

Um adolescente, de 12 anos de idade, foi alvo de ameaças com uma faca, na última segunda-feira (7). A principal suspeita é de que a mãe do garoto tenha cometido o crime. O caso aconteceu na cidade de Rio Verde (GO). Segundo a polícia, além da mulher, a companheira dela, teria auxiliado também na queimadura feita sobre a vítima com o uso de uma colher quente. 

Ainda conforme a corporação, o menino saiu correndo para a rua quando a mãe pegou uma faca. Em seguida, ela o levou novamente para dentro da residência. Nesse momento, a madrasta o segurou para que a mãe conseguisse queimar a mão dele. As informações são do portal Uol.

Depois de chegar ao local, a conselheira teve acesso a mãe, a companheira dela e duas crianças, de 10 e 12 anos de idade. Nesse sentido, a mulher confessou que bateu no filho de 12 anos para "corrigi-lo" por pegar dinheiro escondido. Em determinado momento, a conselheira viu machucados e levou o garoto para uma UPA (Unidade de Pronto Atendimento). 

Em depoimento à conselheira, o adolescente admitiu que pegou o dinheiro da mãe, gastou e foi agredido. Um pedaço de ripa teria sido utilizado pela mãe. Com o caso, ele está com as mãos enfaixadas e com bolhas, e precisou ser encaminhado para a CAT (Casa de Abrigo Temporário). 

As duas mulheres, que não tiveram os nomes divulgados, podem ser presas a qualquer momento, em função do inquérito. Há duas hipóteses sendo trabalhadas pela polícia: lesão corporal ou tortura.

Postar um comentário

0 Comentários