Deputados questionam morte de suspeito de matar Marielle na Bahia; PSOL pede esclarecimentos a SSP - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie Aqui

9 de fevereiro de 2020

Deputados questionam morte de suspeito de matar Marielle na Bahia; PSOL pede esclarecimentos a SSP

Deputados questionam morte de suspeito de matar Marielle na Bahia; PSOL pede esclarecimentos a SSP
Adriano Magalhães da Nóbrega, suspeito de integrar uma mílicia - grupo armado - no Rio de Janeiro, foi morto em uma troca de tiros com policiais baianos na manhã deste domingo (9/2). Nas redes sociais, parlamentares ligados à partidos de esquerda questionaram a morte e o PSOL informou que pedirá uma reunião com o secretário Maurício Barbosa para que a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-Ba) preste os devidos esclarecimentos.
VEJA MAIS: Segue aberta as inscrições para primeira edição do Festival de Talentos; Participe

O suspeito era apontado como chefe do "Escritório do Crime", além de estar sendo investigado por sua possível participação na morte da vereadora Marielle Franco e ter cido citado em um esquema de corrupção envolvendo o senador Flávio Bolsonaro quando ele era deputado estadual.
Adriano chegou a ser homenageado por Flavio na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro. Apesar do seu envolvimento nesses crimes, ele não estava na lista dos mais procurados divulgados por Moro. Segundo o Correio, o advogado dele, Emilio Catta Preta,  disse que, há poucos dias, Adriano disse ter certeza de que queriam matá-lo para “queimar arquivo”. 
Em nota, o PSOL informou qeue "solicitará uma audiência com a Secretaria de Segurança Pública daquele estado para obter maiores informações, uma vez que Adriano da Nóbrega era peça chave para revelar os mandantes do assassinato de Marielle e Anderson". "Seguimos exigindo respostas e transparência para pôr fim à impunidade", finaliza o comunicado.
CONFIRA AS PUBLICAÇÕES

Se há “morte em confronto”, e policiais registram auto de resistência, deve haver perícia.
O capitão, chefe do Escritório do Crime tinha armas pesadas. Ñ duvido q policiais o mataram em legítima defesa. Mas vale o governo da Bahia investigar.
Sua morte ajuda gente poderosa. https://twitter.com/psol50/status/1226527206341533697 
117 pessoas estão falando sobre isso

Post Bottom Ad

Anuncie Aqui

Páginas