Delegado Da Cunha confessa que forjou prisão de sequestrador para gravar vídeo - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

24 de set. de 2021

Delegado Da Cunha confessa que forjou prisão de sequestrador para gravar vídeo


Afastado das ruas, policial famoso no YouTube é alvo de investigação do MP 

O delegado Carlos Alberto da Cunha, 43, conhecido como Da Cunha,  se tornou um fenômeno na internet por publicar cenas elaboradas de operações policiais e dialogar abertamente com o público. Visto como um ícone pelos seus admiradores, o policial confessou ter encenado uma das suas ações mais populares.


Durante uma live transmitida em suas redes, na noite desta quarta-feira (22), Da Cunha revela que a cena em que ele invade um cativeiro e interrompe um sequestro em julho de 2020, na favela de Nhocuné, em São Paulo, foi forjada.


Na época, a falsa operação foi publicada pelo delegado e circulou nos programas de TV de todo o país.

Ao esclarecer os fatos, Da Cunha afirmou que a sua intenção era fazer uma reprodução do ocorrido para usar como prova para o processo.


“Foi uma decisão minha, no momento. A ‘cana’ [prisão] foi dada, eu que quis novamente registrar a cana. Isso acontece muito em inquérito de homicídios, numa série de inquéritos. Eu queria, o que nós queríamos, é que a população do Brasil entendesse o que é um tribunal do crime”, contou o delegado, em trecho obtido pela Folha de S.Paulo.


Da Cunha é alvo de uma investigação do Ministério Público de São Paulo, que busca apurar se o delegado ganhou dinheiro com a divulgação das imagens das operações policiais, o que é algo irregular. 

Desde julho deste ano, o delegado está afastado das suas atribuições, sendo transferido para atividades burocráticas, e teve armas e distintivo tomados pela Polícia Civil de São Paulo.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

ANUNCIE CONOSCO