Salvador está na zona de alerta de ocupação de leitos para Covid-19, informa boletim - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

8 de jan. de 2022

Salvador está na zona de alerta de ocupação de leitos para Covid-19, informa boletim

Observatório divulga boletim apenas com indicadores de leitos do SUS 


O Observatório Covid-19 Fiocruz divulgou, nesta sexta-feira (7), o boletim com as taxas de ocupação de leitos de UTI para adultos. Os dados correspondem as vagas do Sistema Único de Saúde (SUS) destinados ao coronavírus. 

 

Em comparação aos registros de 20 de dezembro de 2021, os números da última quinta (5) indicam aumento no número de pacientes internados em leitos. A análise aponta que entre os estados, destacam-se Tocantins, com queda de 122 para 87 leitos e Piauí, com aumento de 106 para 130 leitos.

O boletim destaca também, que além da nova variante Ômicron, o cenário atual conta com uma epidemia de influenza pelo vírus H3N2. Os pesquisadores do Observatório Covid-19 Fiocruz observam ainda, que elementos com maior circulação de pessoas e eventos com aglomeração nas festas de fim de ano contribuem para impactar negativamente a dinâmica da pandemia e a capacidade de enfrentamento, com impactos sobre a saúde da população e o sistema de saúde.

 

Ocupação de leitos de UTI Covid-19

Segundo o boletim, quatro estados estão em zona de alerta intermediário, enquanto 21 estados e o Distrito Federal estão fora desse cenário. 

  • Entre as capitais, três estão na zona de alerta crítico: Fortaleza (85%), Maceió (85%) e Goiânia (97%).
  • Três estão na zona de alerta intermediário: Palmas (66%), Salvador (62%) e Belo Horizonte (73%).
  • Estão fora da zona de alerta: Porto Velho (44%), Rio Branco (10%), Manaus (34%), Macapá (40%), São Luís (30%), Natal (34%), João Pessoa (32%), Vitória (56%), Rio de Janeiro (2%), São Paulo (35%), Curitiba (46%), Florianópolis (42%), Porto Alegre (57%), Campo Grande (47%), Cuiabá (36%) e Brasília (57%). 

As taxas não são comparáveis aos números verificados no pior momento da pandemia, há quase um ano, considerando a redução de leitos destinados à Covid-19.

Nenhum comentário:

Post Top Ad

ANUNCIE CONOSCO