Últimas Notícias


Morre Dona Nicinha, da famosa música de Harmonia do Samba, aos 72 anos

Dona Nicinha do Samba, que ficou imortalizada na voz de Xanddy, do Harmonia do Samba, ao perguntar "Você sabe quem é Nicinha?", na música "Quebradeira", morreu nesta quinta-feira (17/2), aos 72 anos.

Maria Eunice Martins Luz, nascida e criada na cidade de Santo Amaro, no Recôncavo baiano, já teve sua história contada no documentário "O mundo aos pés de Nicinha", lançado em março de 2021.

"Ela foi e será sempre lembrada como uma das personagens contemporâneas mais extraordinárias, quando o assunto é samba de roda. Nascida numa família de sambadeiras e sambadores, foi nas festas de caruru de São Cosme, de Santa Bárbara e reza de São Roque e Santo Antônio que ela aprendeu a sambar, com suas mais velhas", lembra a nota de pesar da Secretaria de Cultura da Bahia (Secult).

Além do documentário, disponível no YouTube, com imagens inéditas de dois workshops oferecidos por dona Nicinha a estrangeiros, a história da sambista também foi contada no livro "Menina Nicinha". Escrito por sua neta, Evelyn Sacramento, a autora apresenta de forma lúdica as lembranças de infância relatadas por sua avó.

Dona Nicinha ainda foi uma das vozes eternizadas no álbum musical "Mulheres sambadeiras: por cima do medo, coragem".

"A Bahia, o Brasil e o mundo, mas sobretudo os moradores de Santo Amaro da Purificação, perdem uma de suas memórias vivas, a manifestação da alegria e do samba de roda em pessoa. Dona Nicinha do Samba é, e sempre será, esse símbolo de força da mulher aliada à destreza e gingado do seu corpo. Como ela mesma dizia: 'Me sinto como se fosse uma pombinha voando, uma coisinha leve. Quando aquele tambor me chama, aquele pandeiro me chama, aquele violão me chama, eu tenho que dar meu recado'", reforça o comunicado.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem