Header Ads


Lutador universitário pula em urso nos EUA para salvar melhor amigo: 'Puxei pela orelha'


Um lutador universitário salvou o melhor amigo de um ataque de urso-pardo nos Estados Unidos depois de pular em cima do animal e puxá-lo pela orelha. O confronto aconteceu neste sábado, na Floresta Nacional de Shoshone, no estado de Wyoming, a oeste do país. Brady Lowry e Kendall Cummings caçavam chifres no local no momento do acidente.

A dupla sobreviveu ao confronto, mas teve ferimentos graves pelo corpo. Lowry, que foi atacado pelo mamífero, teve o braço quebrado. Os dois praticam um estilo de luta livre na faculdade conhecido como "collegiate wrestling". Em entrevista ao jornal americano Cowboy State Daily, eles contaram detalhes do ocorrido.

— Eu podia ouvir quando seus dentes batiam no meu crânio, eu podia sentir quando ele mordia meus ossos e eles meio que quebravam — descreveu Cummings.

Tudo começou quando os amigos se distanciaram por um momento e, em uma descida de montanha, o urso partiu para cima de Lowry. Além de Cummings, o jovem estava acompanhado de outros dois companheiros de equipe. Eles saíram para caçar depois de um treino de luta livre.

Apesar de estarem portando arma de fogo e spray de urso, os artifiícios não foram suficientes para impedir o acidente. A princípio, Kendall Cummings tentou afastar o animal gritando e jogando objetos nele, segundo o universitário. Sem sucesso, o rapaz decidiu agarrar o mamífero e o puxou para cima, agarrando-o pela orelha.

Depois que o urso-pardo foi embora, os dois tiveram que percorrer mais de oito quilômetros até o início da trilha onde começaram a caminhada. A dupla fo socorrida após acionar o serviço de emergência do país, o 911.

— Não consigo nem expressar o quanto sou grata por ele. Não sei o que vou pagar a ele, não sei. Devo tudo a ele. Nós seremos melhores amigos para o resto de nossas vidas — afirmou Brady Lowry, depois de ser salvo pelo colega.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.