Header Ads


Sobe para três o número de mortes por doença misteriosa em Salvador

Além das três mortes outras duas pessoas estão internadas com a enfermidade

Uma doença, ainda de origem desconhecida, já deixou três pessoas mortas em Salvador. A última foi uma mulher de 40 anos que estava internada no Hospital Municipal de Salvador com a chamada Doença de Creutzfeldt-Jakob (DCJ), que morreu nesta terça-feira,11.

Outros dois pacientes infectados também já morreram com a doença que não tem cura. Além das mortes, outras duas pessoas estão internadas em Salvador com a enfermidade.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que a vítima tinha 40 anos e não possuía histórico de comorbidades. Os sintomas neurológicos foram notados pela vítima no último dia 15 de agosto, época na qual foi internada no Hospital Municipal após quatro dias.

A mulher, de acordo com a SMS, não tinha histórico de viagens ao exterior, bem como a existência de casos na família ou quaisquer tipo de contato próximo, além de não ter histórico de exposição a cirurgias.

A Doença de Creutzfeld-Jakob provoca confusão cerebral, além da perda de memória e morte. A DCJ tem quatro tipos diferentes de manifestação, um deles é a variante popularmente conhecida como Doença da ‘Vaca Louca’. O médico infectologista Antônio Bandeira, da Secretaria Municipal da Saúde, descartou que seja a variante conhecida como ‘Doença da ‘Vaca Louca, que é a infecção provocada por ingestão de carne ou derivados de origem bovina contaminados.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.