Guerra da Katiara com o BDM em Valéria tem homicídio com cabeça decepada e viatura da PRF fuzilada - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

ANUNCIE SUA EMPRESA CONOSCO

04 junho, 2021

Guerra da Katiara com o BDM em Valéria tem homicídio com cabeça decepada e viatura da PRF fuzilada

Créditos da foto: Aratu On

 

Moradores do bairro de Valéria, em Salvador, vivem momentos de pânico nos últimos dias por conta de briga entre duas facções: Katiara e Bonde do Maluco. Eles relatam que nas Ruas Penacho Verde, Loteamento de Nova Brasília, B13 e Palmeiras está impossível de se dormir há pelo menos três dias devido às constantes trocas de tiros.


A mais recente, registrada na madrugada desta sexta-feira (4/6), resultou em duas mortes, segundo relatos de testemunhas que, por medo, preferem o anonimato. Uma das vítimas, inclusive, teve a cabeça decepada por seus algozes. Até às 9h30 desta sexta, os corpos ainda não haviam sido recolhidos pela Polícia Técnica por terem sido desovados em localidades consideradas perigosas até pelos agentes, ainda de acordo com os moradores de Valéria. 


"Somos nós moradores que estamos sofrendo. Eu não aguento mais. Tenho três noites sem dormir, estou com com a minha mãe com o psicológico abalado. Há moradores abandonando suas casas. E quem não tem para onde ir? E aqueles batalhadores que são mais fracos? Estamos abandonados pela Secretaria de Segurança. É lamentável", desabafou uma pessoa que, todos os dias, relata a sangrenta guerra entre o BDM e a Katiara. 


"São três noites que a gente não sabe o que é dormir, com medo de ser atingido dentro da nossa casa. Meu bebê grita com o tiroteio. A frente de nossa casa parece uma peneira de tanto buraco de bala", completou outra.

No meio dessa guerra, até uma viatura da Polícia Rodoviária Federal foi alvo de pelo menos cinco tiros de fuzil enquanto trafegava na BR-324, entre Salvador e Simões Filho. O ataque ocorreu por volta das 5h25 desta sexta. Segundo a PRF, os agentes faziam a fiscalização da rodovia, quando notaram que o trânsito havia sido interrompido.


Ao apurar o fato, os policiais rodoviários constataram que se tratava de uma tentativa de assalto. Eles foram recebidos com disparos de arma de fogo pelos suspeitos. Cerca de oito homens armados com um fuzil 5.56 com dois carregadores, efetuaram os disparos. Suspeita-se que sejam os mesmos que promovem a guerra na área.


Por sorte, nenhum policial foi atingido. Os criminosos fugiram a pé, sentido região do bairro da Palestina, em Salvador, e continuaram a disparar contra os policiais, atingindo a viatura. As buscas pelos suspeitos prosseguem até o fechamento dessa matéria, na tentativa de capturar os envolvidos no ataque.


Ainda até o fechamento desta reportagem, a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP) não havia se pronunciado sobre o clima de tensão em Valéria. 

Nenhum comentário:

Post Top Ad

Anuncie conosco