Header Ads

BOLSONARO: Governador aliado entra em crise com presidente e abre diálogo com Lula; entenda

     Foto: Alan Santos/PR
 

Governador aliado conversou com Lula por telefone e pretende fazer visita formal

Um governador reeleito na esteira do bolsonarismo e com apoio direto do presidente Jair Bolsonaro (PL) abriu diálogo com Luiz Inácio Lula da Silva (PT): além de uma conversa por telefone, pretende, também, fazer uma visita formal ao presidente eleito na última eleição.



O governador comanda um estado importante e é esperado em Brasília para o encontro ainda na primeira semana de dezembro, segundo informações do jornal O Globo.


Você viu? ''Estão lesando da gente'': Prefeito de Amélia Rodrigues se recusa a pagar piso salarial da GCM e agentes reivindicam

O governador em questão é Cláudio Castro (PL), chefe do Executivo no Rio de Janeiro. Ele vive uma crise com o bolsonarismo, que explodiu por conta do comando do Sebrae no Rio.

Segundo o jornal, na conversa com Lula, Castro afirmou que pretende caminhar ao lado do presidente eleito, apesar da proximidade com Bolsonaro - de quem é do mesmo partido.



Castro recordou de alianças como o petista André Ceciliano, presente na equipe de transição de governo; o prefeito de Belford Roxo, Wagner dos Santos (União Brasil); Waguinho, que fez campanha pelo petista na Baixada; e seu chefe de gabinete, Rodrigo Abel, que tem origem no PT.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.