Header Ads


Jovem é encontrada morta com sinais de tortura em cova rasa na Bahia; dias antes ela foi agredida e jogada no mesmo local


Uma jovem de 18 anos morreu após ser torturada e enterrada em uma cova rasa, na zona rural de Santa Cruz Cabrália, no extremo sul da Bahia. O corpo dela foi encontrado na sexta-feira (20). No dia 2 de janeiro, ela já havia sido agredida e jogada no mesmo local.

Nesta segunda-feira (23), ninguém havia sido preso pelo crime e a polícia informou o que o caso é investigado como feminicídio. A vítima foi identificada como Reisiele Costa Novais. De acordo com a Delegacia de Porto Seguro, onde o caso foi registrado, ela foi encontrada em um buraco de cerca de quatro metros.

A jovem estava com o rosto ensanguentado, amordaçada, tinha mãos e pés amarradas e diversas lesões de facadas. A polícia detalhou que ela foi sequestrada por dois homens, que invadiram a casa dela e a levaram.


Ainda não há detalhes de quando isso aconteceu. No dia 2 de janeiro, ela já havia sido jogada no mesmo buraco, também agredida. Na época, ela foi encontrada por um morador, que a socorreu e acionou o Corpo de Bombeiros – mesmo órgão responsável pelo resgate neste sábado.

O corpo de Reisiele foi removido pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) e está no Instituto Médico Legal (IML), onde passará por necropsia. Não há informações sobre o sepultamento da vítima.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.