Cantor sertanejo morre ao levar tiro de amigo; polícia investiga crime e crê em acidente - BEREU NEWS

Últimas Notícias

Post Top Ad

Anuncie Aqui

15 de outubro de 2020

Cantor sertanejo morre ao levar tiro de amigo; polícia investiga crime e crê em acidente

Uma suposta brincadeira terminou em tragédia na tarde desta última terça-feira (13/10), em Goiânia. O cantor sertanejo e sanfoneiro Diego Souza Sá, de 29 anos, morreu ao levar um tiro dentro de um lava jato. De acordo com o portal UOL, o tiro, investigado como acidental, acertou a vítima no olho.

O autor do disparo é o dono do estabelecimento, um homem de 37 anos, que segue foragido e ainda não teve o nome revelado. 

A polícia acredita que ele se entregará ainda nesta quarta (14/10). Segundo a Polícia Civil, Diego foi até o lava jato com um parente, para buscar um carro que haviam deixado. O proprietário, que é amigo de ambos, pegou um revólver calibre 38 que havia comprado para mostrar aos dois. No manuseio, a arma disparou. Aflito, o dono do estabelecimento saiu para buscar socorro, mas acabou não voltando, levando consigo o revólver.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas Diego não resistiu. A ocorrência foi atendida pela delegada plantonista Myrian Vidal, que ao chegar no local, constatou que se tratava de um acidente. Desta forma, o suspeito pode responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

Diego Souza Sá deixa a mulher e uma filha de dois anos. Ele era natural de São Miguel do Araguaia, no Norte de Goiás. Recentemente, para ajudar na renda, passou a trabalhar com a produção de linguiças artesanais, pelo fato de shows estarem suspensos, devido à pandemia da Covid-19.

Post Bottom Ad

Anuncie Aqui

Páginas