Israel divulga fotos do túmulo de Salomé, ‘parteira’ de Jesus

Imagens religiosas deixadas pelos visitantes são vistas em uma alcova na parede de uma caverna que, de acordo com a Autoridade de Antiguidades de Israel, é a caverna funerária de 2.000 anos da parteira de Jesus, Salomé, na Floresta de Laquis, em Israel. — Foto: Reprodução/Reuters/Ammar Awad


O governo de Israel revelou imagens de escavações de uma gruta funerária descoberta há várias décadas, mas que somente agora está sendo preparada para visitação.

O local, uma caverna com cerca de 2.000 anos, foi adaptado para ser uma capela cristã e é chamado de “túmulo de Salomé”. Ele está localizado na cidade de Lachish, entre Jerusalém e a Faixa de Gaza. As fotos foram divulgadas na terça-feira (20).

Para algumas vertentes do cristianismo, Salomé foi uma das parteiras que presenciaram o nascimento de Jesus, e inscrições em grego e árabe esculpidas nas paredes indicam que o espaço foi dedicado a ela.


De acordo com a Autoridade de Antiguidades de Israel (AAI), também foram encontradas lâmpadas de óleo decoradas que indicam que o local abrigava peregrinos cristãos.

Os peregrinos “alugavam lamparinas a óleo, entravam na caverna, costumavam rezar, saíam para devolver a lamparina a óleo”, disse Ziv Firer, diretor da escavação.

“A julgar pelas cruzes e dezenas de inscrições gravadas nas paredes das cavernas nos períodos bizantino e islâmico primitivo, a capela foi dedicada à sagrada Salomé”, afirmou a AAI.

O processo revelou lajes de pedra e pisos de mosaico que eram comuns em túmulos de famílias notáveis na sociedade judaica da época.


G1 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.